segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

bicicleta

a gente acorda, desenha e volta a dormir. hoje não dormimos depois de desenhar. conversamos por horas deitados na cama. perdemos a hora. fizemos almoço e fomos andar de bicicleta. ''pegue sua bicicleta e vamos até o fim da rua.'' discutimos. lembramos da promessa de não discutir. saindo de casa quis pedir desculpas. não consegui. enfrentamos a maior chuva da cidade e eu deitei no seu colo enquanto a fila de carros não se mexia. ele mexeu nos meu cabelos.nos despedimos. enrolei meu dedinho no dedinho dele.''amanhã cedo apareço por lá.'' está feito. amanhã cedo apareço por lá.

11 comentários:

  1. q gracinhaaa!!
    lindooOooO *-* ... quero ver fazer mais ve, e caprixados como esse! :)

    ResponderExcluir
  2. Sempre gostei das tuas palavras e das tuas histórias, desde quando elas eram escritos numa agenda de colégio. Eu continuo gostando, mas agora além de gostar, eu respeito. Porque tuas coisas, minha princesa, tuas coisas são da alma.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o comentário acima, o que escreves é profundo, vêm da alma.

    Parabéns pelos textos, estou seguindo este teu blog aqui também! =)

    Uma ótima semana e feliz natal adiantado.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  5. Olá, od dias passam felizes na terra do amor, abraços

    ResponderExcluir
  6. Boa noite.
    Desculpa o incomodo, mas venho hoje pedir que olhe com carinho meu blog de resenhas literárias, o O Leitor.
    Se puder fazer parte, agradecemos.

    Obrigada e uma ótima quinta-feira. Beijos,

    Pamela.

    ResponderExcluir
  7. Vê do céu, onde quer que você esteja, quando você escreve... "uau!"

    beijoca

    ResponderExcluir
  8. Senti o friozinho na barriga em esperar ansiosamente por amanhã.

    ResponderExcluir
  9. E se amanhã cedo chover, vocês brilharão (:

    ResponderExcluir